Soprando no Vento

Bob Dylan, translated by Oliveira Simões

Quantas estradas um homem deve trilhar
Antes que o trates humanamente?
E quantos oceanos uma pomba deve voar
Antes que ela pouse à beira-mar?
E quantas balas de canhão devem disparar
Antes que sejam banidas para sempre?
A resposta, meu amigo, está soprando no vento.
A resposta está soprando no vento.

Quantos anos uma montanha pode existir
Antes que seja arrastada para o mar?
E quantos anos algumas pessoas podem existir
Antes que, em liberdade, possam caminhar?
E quantas vezes um homem pode virar sua cabeça
E fingir que nada está vendo?
A resposta, meu amigo, está soprando no vento.
A resposta está soprando no vento.

Quantas vezes um homem deve olhar para cima
Antes que ele possa ver o firmamento?
E quantos ouvidos um homem precisa ter
Antes que ouça o alheio sofrimento?
Quantas mortes bastam até que se perceba
Que morreu gente demasiadamente?
A resposta, meu amigo, está soprando no vento.
A resposta está soprando no vento.